Pau dos Ferros: Interdição de Maternidade e Hospital gera revolta em Pau dos Ferros

As interdições do setor de esterilização do Hospital Dr. Nelson Maia e do centro cirúrgico da Maternidade Luzia de Marilac, em Pau dos Ferros, nesta sexta-feira, pela Coordenação de Vigilância Sanitária (Covisa), preocupa toda a população, sobretudo os pacientes que aguardavam cirurgias. Durante a interdição era grande o número de pacientes nas duas unidades de saúde.

Com as interdições, a maternidade e o hospital praticamente deixam de funcionar, algo que só fragiliza a já difícil realidade da saúde pública.

A região conta com pelo menos cinco deputados estaduais e agora é preciso que eles se unam em defesa da saúde o povo pau-ferrense.

 

Comentários (0)